sábado, 25 de abril de 2009

PARTE III - O que Deus faz?


Parte III – O que Deus faz?

“If you have a body, you are an athlete”. (se você tem um corpo, você é um atleta). Pode parecer um exagero, mas não é. É verdade. Mesmo você, que não faz exercício físico, sabe disso. Já se você faz qualquer atividade física, sabe melhor do que ninguém que a afirmação é rigorosamente verdadeira. Seja como for, mais que uma simples frase, ela é a síntese da missão da NIKE que há mais de 30 anos produzia tênis e hoje fabrica desejos. Quem os compra, leva de brinde todo um ideal de vitória. Mesmo que não ganhe uma medalha sequer, em qualquer competição esportiva. Tênis e uma centena de outros produtos são apenas um endosso. Seu logotipo, que não carrega mais o nome da empresa há anos, dispensa explicações. Talvez seja a mais contundente e representativa síntese gráfica de uma marca. Nenhuma outra marca ligada aos esportes voou tão alto, nas asas de sua originalidade e relação com seus consumidores. O slogan “Just do it” passa idéia de simplicidade. Mas não é tão fácil assim inovar e se manter no topo por tanto tempo. No entanto, é o que a NIKE faz. E há décadas. NIKE é um mito que patrocina mitos. (Disponível em http://www.mundodasmarcas.blogspot.com/2006/05/nike-just-do-it.html>)

Encerrando a série sobre teologia, chegamos ao terceiro questionamento sobre Deus. O que ELE FAZ?

O Deus que É a verdade, Ele FALA a verdade e PRATICA a verdade, é o Elohim o Eliom. O Deus Forte, Altíssimo e Eterno. Esse é o meu Deus!

Segundo o dicionário Aurélio: Desígnio ou Decreto remete a um plano, um projeto, um propósito, uma intenção, uma determinação escrita emanada de um chefe de Estado ou de uma autoridade superior.

Se tratando dos DECRETOS divinos, a autoridade suprema e absoluta, significa:

“Seu propósito eterno, segundo o conselho de sua própria vontade, por meio da qual, para Sua própria glória, Ele preordenou tudo que acontece.”

Pense um pouco sobre a estabilidade do universo, estações e fronteiras das nações, subida e queda de reis, tudo isso faz parte do que Deus decretou em algum momento da eternidade. Nada foge ao controle dos seus decretos. "Nem um pardal cai no chão sem o consentimento do Pai" (Mt 10:29)

Mais do que colocar um par de tênis nos pés, sair por aí se fazendo de um vencedor, coloque na mente quem realmente tem o controle absoluto de todas as coisas.

Os ideais de vitória, as motivações que te enchem de entusiasmo, devem emanar do Deus que:

is truth,

speaks the truth,

practicing the truth.

HE DID ALL THINGS!

Isto não é mero marketing... JUST DO IT!

sexta-feira, 17 de abril de 2009

Parte II - A natureza de Deus.

Veja esta frase atribuída a Cazuza:

“Cantando agente inventa.
Inventa um romance, uma saudade, uma mentira...
Cantando a gente faz história.
Foi gritando que eu aprendi a cantar: sem nenhum pudor,
sem pecado.”

Tem gente que não entende porque a geração de hoje, joga crianças pelas janelas dos seus apartamentos, permite seus filhos transarem dentro de casa, adulteram, violam, etc., etc, etc.

Uma geração que curtiu e viveu sob influência de:

“... Eu quero queimar minha erva

Eu quero estar perto do fogo.” (Cazuza)

 “... De que vale sonhar um minuto
Se a verdade da vida é muito ruim” (Cazuza)
 “... Te pego na escola
E encho a tua bola
Com todo o meu amor
Te levo pra festa
E testo o teu sexo
Com ar de professor... faz parte do meu show” (Cazuza) 
Não sei por certo se,
fora estas letras, ao queimar a erva dele,
Cazuza “acendeu um baseado” e
dizendo ser pra Deus, pode ser lenda.

Porém, lendo letras como estas,
sei identificar no meu país,

porque esta nação é tão perdida do
conhecimento
de Deus e sua natureza.

Desde as crianças aos mais velhos.
Padecemos como um povo néscio, década após década,
ano após ano.

Carecemos de entender a bondade de Deus.
Pra muitos:
“... a verdade da vida é muito ruim”. (Cazuza)
Amigo, vou te falar, não é gritando
que você vai ouvir Deus lhe falar.
O silêncio da cruz diz algo incrível:
“Está consumado!”
ali...
 e hoje, aqui! 
 bem perto de ti. Aleluia! Do teu coração.
 “... Estamos bem por um triz

Pro dia nascer feliz” (Cazuza)
 Não da forma como pensou o cantor.
Mas como o AMOR de Deus nos
mostra por meio da sua:
Santidade, Justiça e Verdade 
Estas, entre outras qualidades, que constituem quem Deus é,
precisam chegar à sua mente, ao seu coração
e produzir algo maravilhoso: Fé.
Que a vontade D’Ele seja feita nas nossas vidas,
porque ela é boa,
perfeita e agradável.

Brasil!

Mostra a tua cara...
 
Confia em... (DEUS)

Brasil!!

sexta-feira, 10 de abril de 2009

Existe um Deus? Como Ele é? O que ele Faz? Parte I


“Tudo o que acontece no tempo é apenas a realização do que foi ordenado na eternidade.”  Arthur W. Pink

A pergunta que atormenta alguns, que aborrece outros e é o regozijo de uma “pequena” minoria vitoriosa: “Existe um Deus?” não cala e nunca se torna ultrapassada. Vira e mexe a humanidade se depara com ela. Faço parte desta pequena minoria com muito prazer. Gostaria de desafiar você que não faz, começar a investigar mais de perto o conhecimento da existência de Deus.

“Conhecer a Deus é crucialmente importante para nossa vida. Do mesmo modo que seria cruel levar de avião um indígena da Amazônia até São Paulo e deixá-lo, sem nenhuma explicação, sem que entendesse a língua portuguesa, em plena Praça da Sé, para que ele cuidasse da própria subsistência, assim também seríamos cruéis conosco se tentássemos viver neste mundo sem saber nada a respeito do Deus que é dono e Senhor do Universo.;”

J.L Packer

Buscar o conhecimento não de um deus e sim de Deus. Seja um peregrino: “Tape seus ouvidos dos gritos da multidão que lhe chama” e fixe seu desejo de ouvir e conhecer os argumentos de Deus revelados a todos. É claro que é impossível um conhecimento perfeito de Deus em todos os sentidos. Porém, é perfeitamente possível ter um conhecimento adequado.

Dos argumentos que posso me utilizar para explicar a existência de Deus, raciocinando só um pouquinho, para não ir além do que devo, se lhe apresenta a evidência da ordem naturaldas coisas. Imagine um quadro que um pintor venha pintar, exige dele um mínimo de raciocínio possível, uma mente pensando coordenadamente e:


 

video


“Se um pinguinho de tinta
Cai num pedacinho
Azul do papel
Num instante imagino
Uma linda gaivota
A voar no céu...” (Toquinho)

“Oh Deus! Tu sabes o ontem, o hoje e o amanhã” Minha vida não “Descolorirá” pois, Tu és o autor da vida! O “fim desta estrada” está nas Tuas mãos, assim como o pincel do artista na perfeição de sua obra. Oh Pai! Sei que nessa "Astronave" que é o futuro tu és o piloto por isso estou seguro. Quando "riso ou chôro" que porventura gentilmente me convidares a praticar, estarei nos teus braços cuidadosos a me acalentar. Teu precioso Filho, é a "Estrada" segura em direção a Ti bendito e eterno Deus, eu sei bem certo onde ela vai dar. 

Bem mais que as forças
Poder e reis
Que a natureza e tudo que se fez
Bem mais que tudo, criado por tuas mãos
Deus tu és o início, meio e fim
Bem mais que os mares
Bem mais que o sol
E as maravilhas que o mundo conheceu
E as riquezas, tesouros desta Terra
Incomparável és pra mim...

Conheçamos e prossigamos em conhecer ao Senhor! (Oséias 6:3








sexta-feira, 3 de abril de 2009

Canonicidade da Bíblia Sagrada


Já estamos em 2009 e nem parece para alguns!!! Ainda hoje temos algo sobre o único livro singular do mundo, que é mais uma demonstração de seriedade no compilamento de seus escritos, a canonicidade da Bíblia Sagrada.
Polêmica mas não problemática. Controversa mas, não contraditória. Três considerações tinham que haver para que os escritos fossem considerados canônicos. Esta “vara de medir” utilizava-se:
- Evidências de inspiração;
- A autoridade do autor; (a autoria de alguns livros fica em dúvida)
- o veredicto das igrejas;
307 anos depois de Jamnia em Cartago completou-se a atual escritura contendo 66 preciosos livros que nenhum “homem o tornou canônico, e sim, reconheceu sua inspiração através destas provas”.
Utilize-se da Palavra do Deus Soberano para medir sua relação com ele. Vem aí: Teologia propriamente Dita, aguarde!!!